SRI LANKA: Você não é daqui

Tempo de leitura: 2 minutos

Um pastor e sua família foram atacados em sua casa por uma multidão da aldeia enquanto esperavam uma reunião com a polícia local.
A família tinha apresentado uma queixa na polícia depois que quatro cristãos, que participaram de uma reunião de oração em sua casa, foram confrontados por cerca de 30 pessoas. Eles diziam: “Esta é a nossa aldeia. Vocês não pertencem a esse lugar.” Além disso, eles ameaçaram dizendo para que nunca mais voltassem à aldeia para se reunirem na casa do pastor. Se desobedecessem, poderiam esperar o pior!
SRI LANKA
Por causa disso, o pastor prestou queixa na delegacia. A polícia pediu ao pastor para encontrá-los em sua casa às 4 horas da tarde. Pediram, também, que os quatro cristãos agredidos participassem da reunião.
Todos estavam na casa do pastor aguardando a polícia, como combinado. Mas a polícia não apareceu no horário marcado. Enquanto esperavam, eles ouviram uma convocação, em alto-falante, convidando todos os moradores da aldeia para irem para a casa do pastor.
Dentro de instantes, cerca de 150 pessoas cercaram a casa do pastor e começaram a gritar calúnias contra eles. O pastor telefonou para a delegacia. Segundo os policiais, um grupo já estava a caminho da sua casa.
Por volta de 5h30 da tarde, cerca de 40 pessoas derrubaram os muros em volta da casa. Com pedaços do próprio muro, eles quebraram a van do pastor. Outros entraram na casa e atacaram os que estavam dentro, incluindo a esposa do pastor.
O pastor ficou inconsciente depois de receber um golpe na parte de trás de seu pescoço. Achando que tinham matado o pastor, a multidão fugiu imediatamente. A polícia chegou 10 minutos depois. Eles levaram os cristãos para a delegacia, onde foram detidos para interrogatório por sete horas. Seus atacantes não foram presos, sequer questionados.
O pastor passou quatro dias no hospital se recuperando. Outros três cristãos ficaram hospitalizados por dois dias.
Sri Lanka, um pequeno país localizado no sul da Índia, é em grande parte budista, com apenas 1% de cristãos evangélicos em todo o país. A constituição garante liberdade de religião, mas os cristãos enfrentam perseguição nas mãos de budistas militantes que não querem tê-los em suas aldeias.
28 de julho de 2014 | Fonte:
5 (100%) 4 votes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *